As 5 viagens mais loucas do mundo!


Você acha que ir para o litoral a bordo de um fusca é uma viagem radical? Acha o máximo ir na padaria do outro lado da cidade de moto? Conheça 5 histórias incríveis de pessoas que fizeram jornadas inusitadas:


1. O pastor batista que se arrastou por mais de 2,5 mil Km até a Casa Branca, nos EUA: em 1978 Hans Mulikin, com 39 anos, chegou se arrastando até a Casa Branca. Suas pernas estavam protegidas por peles e por uma fina camada de metal e ele dirigia um pequeno carrinho com rodas em seus braços. Ele se arrastou durante dois anos e meio apenas para ouvir que o presidente Carter estava muito ocupado para vê-lo. Segundo Mulkin ele apenas queria mostrar para a América que todos deveriam ficar de joelhos e se arrepender (talvez por uma viagem dessas).


2. O australiano que deu uma volta circular no mundo usando um veículo anfíbio: Bem Carlin aceitou o desafio de fazer uma volta ao mundo em um jipe modificado. Ele partiu com sua esposa, Elinore, em 1950. Na Índia, com três quartos da viagem concluídos ela deixou a expedição. Bem completou a jornada em 1958.



3. O homem que viajou 4,115 Km puxando um carrinho de mão: David Baird demorou 112 dias para puxar seu carrinho pela Austrália. O objetivo dele era conseguir ajuda para pesquisas sobre câncer de mama e próstata. O saradão de 65 anos disse que se sentiu extremamente bem com sua jornada – ele caminhava (e puxava seu carrinho) de doze a dez horas por dia durante a viagem.

4. O homem que literalmente deu a volta ao mundo correndo: Robert Garside é, de acordo com o Guiness, o primeiro homem a dar a volta ao mundo correndo. Ele partiu de Nova Delhi, na Índia, em 20 de outubro de 1997 e chegou no mesmo lugar dia 12 de Junho de 2003. O Guiness investigou várias evidências antes de declarar o recorde como autêntico. Durante a jornada ele atualizava seu site (www.runningman.org) contando tudo sobre sua viagem – incluindo ataques físicos sofridos e mudanças climáticas extremas. Na jornada ele usou 50 pares de tênis.

5. O estudante que fez um curta metragem enquanto caminhava: em 2007,Christoph Rehage resolveu dar um presente de aniversário para si mesmo – uma longa caminhada. O plano era caminhar de Pequim, na China (onde ele estudava), até Bad Nenndorf, na Alemanha, sua terra natal. No caminho ele tirou várias fotos de si mesmo e depois juntou-as em um pequeno vídeo que mostra a evolução da viagem.



Ps: Não achei com legenda em português :(



Gostou? Teria coragem? Conta pra gente! :D 
Postado por: Bia Saraiva
comentários
Compartilhe: