15 coisas que aprendi assistindo Dr. House


Pra quem não conhece, a série "House" tem sua trama ambientada em um hospital, em que a cada episódio chega um paciente com um problema diferente e é tratado pelo Dr. House (um dos melhores médicos do mundo em diagnósticos e "Sherlock Holmes" da medicina) e por seus ajudantes.

Durante o desenrolar da investigação médica para se chegar a um diagnóstico preciso, uma série de acontecimentos paralelos contribuem para enriquecer a história, geralmente causando problemas a House. Este, com seu humor ácido e sarcástico, tenta evitá-los sempre que possível.

Esta é uma das minhas séries preferidas e a recomendo a todos os que se interessam por medicina e conhecimentos gerais. Há muito o que se aprender com ela, como por exemplo:



1. Todo mundo mente.

2. Quatro testes são fundamentais para descobrir qualquer doença que você tenha: Ressonância magnética (MRI, no original), punção lombar, biópsia do tecido afetado e exame toxicológico (mesmo que seja apenas um resfriado). Ocasionalmente, você pode precisar também de uma endo/colonoscopia.

3. As principais funções das enfermeiras são carregar equipamentos de ressuscitação, atuar como recepcionistas do hospital e transitar sem rumo pelos corredores, observando os médicos.

4. Se você tiver uma convulsão no dedo mindinho do pé, pode apostar que foi devido a um fungo raríssimo dos trópicos que você pegou apertando a mão de um vizinho que esteve na África e que se alojou no seu fígado por um longo tempo, até se desprender, cair na corrente sanguínea e atacar o pâncreas, que causou uma dor de estômago, que você pensou que fosse apenas um problema de digestão e passou a tomar antiácidos, que, por sua vez, permitiram a proliferação de microorganismos dentro do estômago, que se deslocaram para o cérebro, causando uma desordem cerebral, resultando no movimento anormal do mindinho.
5. Um a cada três médicos não consegue se lembrar que infecções causam febre e que a ausência de febre é sinal de que não se trata de uma infecção, tendo que ser relembrado constantemente desse fato por seus colegas.

6. Toda medicação intravenosa causa parada cardíaca/respiratória. O mesmo vale para exames que envolvam agulhas.

7. Todos os médicos sem a orientação do House são burros e incompetentes.

8. Numa clínica, metade dos pacientes é idiota e a outra metade,hipocondríaca.

9. Na dúvida, tome antibióticos de largo espectro. Se não funcionarem, é uma doença auto-imune; Se funcionarem, aliviando os sintomas da doença inicial, vão causar danos graves em outros órgãosMas não se preocupe, isso é um bom sinal. Agora já se sabe o que você NÃO tinha.

10. Não há problema moral algum em fazer apostas dentro do hospital, mesmo que envolvam a vida dos pacientes.

11. Os diagnósticos mais simples, óbvios e prováveis não têm graça.

12. Está tudo bem em invadir a casa de um paciente, mexer nas suas coisas, abrir a geladeira e pegar o que quiser, desde que se tenha um diploma de medicina.

13. As roupas, acessórios e linguagem corporal de uma pessoa dizem TUDO sobre ela, incluindo sua condição de saúde.

14. Não importa onde você esteja, se você desmaiar ou sentir dores sem nenhuma razão aparente, vai acordar no Hospital Princeton-Plainsboro, aos cuidados do Dr. House.

15. Independente dos sintomas que você tiver, Não é Lúpus!
Postado por: Bia Saraiva
comentários
Compartilhe: